RMDIR(2) Manual do Programador do Linux RMDIR(2)

rmdir - apaga um diretório

#include <unistd.h>

int rmdir(const char *pathname);

rmdir() apaga um diretório, o qual deve estar vazio.

Em caso de sucesso, zero é retornado. Caso contrário, -1 é retornado, e errno é selecionado adequadamente.

EACCES
Acesso de escrita para o diretório contendo pathname não foi permitido ou um dos diretórios no prefixo de caminho de pathname não permitiu permissão de busca. Veja também path_resolution(7).
EBUSY
pathname está atualmente em uso pelo sistema ou por algum processo que impede sua remoção. No Linux, isso significa que pathname atualmente é usado como um ponto de montagem ou é o diretório raiz do processo de chamada.
EFAULT
pathname aponta para fora do seu espaço de endereços acessíveis.
EINVAL
pathname tem . como último componente.
ELOOP
Muitos links simbólicos são encontrados ao resolver pathname.
ENAMETOOLONG
pathname é longo demais.
ENOENT
Um componente de diretório em pathname não existe ou é um link simbólico pendurado.
ENOMEM
A memória do kernel disponível foi insuficiente.
ENOTDIR
pathname, ou um componente usado como um diretório em pathname, não é, de fato, um diretório.
ENOTEMPTY
pathname contém entradas além de . e ..; ou, pathname tem .. como seu componente final. POSIX.1 também permite EEXIST para esta condição.
EPERM
O diretório contendo pathname tem o bit "sticky" selecionado (S_ISVTX) e o ID de usuário efetivo do processo não é nem o ID do usuário do arquivo a ser apagado nem do diretório que o contém, e o processo não possui privilégios (Linux: não tem a capacidade CAP_FOWNER).
EPERM
O sistema de arquivos contendo pathname não suporta a remoção de diretórios.
EROFS
pathname refere-se a um diretório em um sistema de arquivos somente de leitura.

POSIX.1-2001, POSIX.1-2008, SVr4, 4.3BSD.

Problemas no protocolo base NFS podem provocar desaparecimentos inesperados de diretórios que ainda estão em uso.

rm(1), rmdir(1), chdir(2), chmod(2), mkdir(2), rename(2), unlink(2), unlinkat(2)

Esta página faz parte da versão 5.10 do projeto Linux man-pages. Uma descrição do projeto, informações sobre relatórios de bugs e a versão mais recente desta página podem ser encontradas em https://www.kernel.org/doc/man-pages/.

A tradução para português brasileiro desta página man foi criada por André Luiz Fassone <lonely_wolf@ig.com.br>, Marcelo Pereira da Silva <marcelo@pereira.com> e Rafael Fontenelle <rafaelff@gnome.org>.

Esta tradução é uma documentação livre; leia a Licença Pública Geral GNU Versão 3 ou posterior para as condições de direitos autorais. Nenhuma responsabilidade é aceita.

Se você encontrar algum erro na tradução desta página de manual, envie um e-mail para <debian-l10n-portuguese@lists.debian.org>.

8 agosto 2015 Linux