DD(1) Comandos de usuário DD(1)

dd - converte e copia um arquivo

dd [OPERANDO]...
dd OPÇÃO

Copia um arquivo, convertendo-o e formatando-o conforme os operandos.

Lê e escreve até BYTES bytes de uma vez (padrão: 512); sobrescreve ibs e obs.
Converte BYTES bytes de uma vez.
Converte o arquivo conforme lista de símbolos separados por vírgula.
Copia somente N blocos de entrada.
Lê até BYTES bytes de uma vez (padrão: 512).
Lê do ARQUIVO em vez de usar a entrada padrão.
Lê conforme lista de símbolos separados por vírgula.
Escreve a quantidade de BYTES de uma vez. O padrão é 512.
Escreve em ARQUIVO em vez de usar a saída padrão.
Escreve conforme uma lista de símbolos separados por vírgula.
(or oseek=N) skip N obs-sized output blocks
(or iseek=N) skip N ibs-sized input blocks
O nível de informação para enviar para erro padrão; "none" suprime tudo, exceto mensagens de erro, "noxfer" suprime as estatísticas finais da transferência, "progress" mostra estatísticas de tempo em tempo.

N and BYTES may be followed by the following multiplicative suffixes: c=1, w=2, b=512, kB=1000, K=1024, MB=1000*1000, M=1024*1024, xM=M, GB=1000*1000*1000, G=1024*1024*1024, and so on for T, P, E, Z, Y, R, Q. Binary prefixes can be used, too: KiB=K, MiB=M, and so on. If N ends in 'B', it counts bytes not blocks.

Cada símbolo CONV pode ser:

de EBCDIC para ASCII
de ASCII para EBCDIC
de ASCII para EBCDIC alternativo
preenche registros terminados por caractere de nova linha com espaços até o tamanho ditado por cbs
substitui os espaços ao final dos registros de tamanho cbs por caractere de nova linha
altera as maiúsculas para minúsculas
altera as minúsculas para maiúsculas
tenta buscar em vez de escrever blocos de saída todos NULOS
troca a cada par de bytes de entrada
preenche cada bloco de entrada com NULOs até o tamanho ibs; se usado com block ou unblock, preenche com espaços em vez de NULOs
falha se o arquivo de saída já existir
não cria o arquivo de saída
não trunca o arquivo de saída
continua mesmo após erros de leitura
escreve fisicamente os dados do arquivo de saída antes de concluir
similar, mas também escreve metadados

Cada SINALIZador pode ser:

modo anexar (só faz sentido para saída; sugere-se conv=notrunc)
usa E/S direta para dados
falha a menos que seja um diretório
usa E/S sincronizada para dados
similar, mas também para metadados
acumula blocos de entrada completos (iflag apenas)
usa E/S não-bloqueante
não atualiza o horário de acesso
requisita descartar o cache; veja também oflag=sync
não designa o terminal de controle do arquivo
não segue os links simbólicos

O envio de um sinal USR1 para um processo "dd" em execução faz com que ele mostre as estatísticas de E/S para o erro padrão e, então, continue a cópia.

As opções são:

mostra esta ajuda e sai
informa a versão e sai

Escrito por Paul Rubin, David MacKenzie e Stuart Kemp.

Página de ajuda do GNU coreutils: https://www.gnu.org/software/coreutils/
Relate erros de tradução para https://translationproject.org/team/pt_BR.html.

Copyright © 2023 Free Software Foundation, Inc. Licença GPLv3+: GNU GPL versão 3 ou posterior https://gnu.org/licenses/gpl.html.
Este é um software livre: você é livre para alterá-lo e redistribuí-lo. NÃO HÁ QUALQUER GARANTIA, na máxima extensão permitida em lei.

Documentação completa em https://www.gnu.org/software/coreutils/dd
ou disponível localmente via: info '(coreutils) dd invocation'

A tradução para português brasileiro desta página man foi criada por André Luiz Fassone <lonely_wolf@ig.com.br> e Ricardo C.O.Freitas <english.quest@best-service.com>

Esta tradução é uma documentação livre; leia a Licença Pública Geral GNU Versão 3 ou posterior para as condições de direitos autorais. Nenhuma responsabilidade é aceita.

Se você encontrar algum erro na tradução desta página de manual, envie um e-mail para a lista de discussão de tradutores.

Outubro de 2023 GNU coreutils 9.4